Processos

Gestão do tempo e produtividade: 6 dicas para maximizar seus resultados

By 4 de julho de 2019 No Comments

Compartilhe isso!

Você sabe qual relação entre gestão do tempo e produtividade?

Muitas pessoas são menos produtivas do que elas podem ser justamente por não saberem fazer um bom gerenciamento de um recurso extremamente valioso: o tempo.

Apesar de trabalharem por longas horas, a sensação de que pouca coisa de útil foi feita parece imperar, além do estresse causado pela sobrecarga de trabalho.

Pensando nisso, separamos aqui as 6 melhores práticas em gestão do tempo e produtividade que você pode adotar para obter melhores resultados tanto na sua vida pessoal como profissional

Leia também: 7 dicas para aumentar a produtividade no trabalho: perca menos tempo e ganhe mais qualidade

O que é produtividade?

Em linhas gerais, a produtividade pode ser definida como a quantidade de trabalho que é feita em determinado período de tempo. Quanto mais trabalho uma pessoa fizer durante esse tempo, mais produtiva ela será.

A maneira pela qual os recursos materiais, nossa energia e, claro, o tempo são gerenciados é o que determinam nossa produtividade. No entanto, enquanto as duas primeiras variáveis ​​podem ser renovadas ou expandidas, a terceira é limitada pela nossa percepção humana, é linear e não pode ser recuperada.

Portanto, aprender a gerenciar o tempo efetivamente para atingir nossos objetivos é indispensável.

É comum acreditarmos que, para sermos mais produtivos, precisamos fazer várias coisas ao longo do dia. Esse acaba por ser um raciocínio errado, pois a produtividade envolve fazer coisas importantes de maneira sistemática.

6 dicas para gestão do tempo e produtividade

Como pudemos observar, a gestão do tempo e produtividade estão intimamente interligadas em uma relação de causa e efeito; quanto mais eficiente for a sua gestão do tempo disponível, mais produtivo você será.

Tendo isso em vista, vamos às dicas.

1 – Liste os time wasters

Os time wasters são aquelas coisas que só vão servir para te fazer perder tempo. Ao listar todas essas coisas, isso servirá como um lembrete daquilo que você não deve se permitir fazer – como ficar deslizando a barra de rolagem infinita do Instagram ou do Facebook, assistir vídeos inúteis no YouTube etc.

2 – Oculte ou desinstale os aplicativos de mídia social

O brasileiro gasta uma média de 3 horas todos os dias nas redes sociais. Isso é quase um quarto do tempo que você passa acordado. Imagine o que você poderia fazer com essas horas extras.

Para não perder esse tempo, remova os aplicativos de redes sociais da tela inicial do seu dispositivo móvel e da barra de ferramentas no navegador do seu computador.

Embora os sites não estejam completamente fora de alcance, essa prática pode impedir que você verifique as atualizações por impulso e faça com que você se concentre nas tarefas que realmente importam para a sua produtividade.

Veja mais dados sobre o brasileiro na internet de uma pesquisa da Hootsuite divulgada pela TechTudo:

Gestão do tempo e produtividade

3 – Defina metas diárias com lembretes

Cada dia vem com novas tarefas para realizar. Por isso, concentre-se em concluí-las uma de cada vez.

Se, por exemplo, você tem um grande relatório para entregar no próximo mês, fracione essa grande tarefa em tarefas menores a serem executadas uma por dia.

Use aplicativos como o Google Agenda para ficar por dentro de suas metas diárias. Você pode configurar lembretes para se manter organizado e garantir que não se esqueça de nada.

Veja também: Como organizar suas tarefas diárias? Veja um passo a passo simples e objetivo

4 – Conclua as tarefas mais importantes primeiro

Gestão do tempo e produtividade têm muito a ver com saber priorizar tarefas. Isso porque você estará dedicando seu tempo a coisas mais produtivas.

É fácil começar o dia com as tarefas mais simples. Faz você se sentir como se estivesse realizando algo mesmo quando está evitando seu grande projeto. Mas quando você terminar com suas tarefas menos importantes, você já está desgastado e ainda mais relutante em começar seu trabalho prioritário.

Portanto, procure concluir as tarefas mais importantes primeiro, mesmo que elas sejam as mais difíceis.

5 – Pare com a multitarefa

Querer fazer muitas coisas ao mesmo tempo é extremamente prejudicial para a produtividade. Ao cair na ilusão de que somos seres multitarefas, você provavelmente não concluirá nenhum dos seus afazeres com qualidade.

Além disso, tentar fazer várias tarefas de uma só vez pode consumir muito mais tempo do que simplesmente se concentrar em realizar uma de cada vez.

6 – Saiba delegar tarefas

Se você está em uma posição de liderança, saber delegar tarefas é uma boa maneira de gerenciar o seu tempo e impulsionar a produtividade.

Em de vez de se ocupar fazendo tarefas de menor importância, passe-as para frente e se concentre naquelas que realmente importam e que dependem exclusivamente de você

Isso aumentará seu tempo e energia disponíveis. Portanto, aprenda a delegar com eficácia, pois aqueles que tentam fazer tudo sozinhos geralmente falham.

Esse post também pode interessar a você: Como aumentar a produtividade da empresa? Confira 7 dicas que funcionam!

Quer mais algumas dicas de gestão do tempo e produtividade? Então, acompanhe este vídeo da Siteware:

Essas foram as nossas 6 dicas para gestão do tempo e produtividade.

Cada um de nós recebeu um dia de 24 horas. A forma como administramos esse tempo será o fator mais importante para determinar nosso sucesso ou fracasso. Portanto, esse recurso inestimável deve ser gasto com sabedoria.

Saiba mais: 10 ideias práticas e efetivas para melhorar a produtividade da empresa

A Setting é um empresa de consultoria focada em resultados e geração de valor. Ela pode ajudar seu negócio a definir metas e organizar processos para se tornar mais produtivo.

Para isso, é necessário fazer um diagnóstico. Saiba mais sobre isso neste e-book gratuito: Por dentro do diagnóstico organizacional

Jorge Secaf Neto

Author Jorge Secaf Neto

Sócio fundador da Setting Consultoria e Gestão Empresarial e Conselheiro Certificado IBGC, atua como Conselheiro, Consultor Sênior ou assume responsabilidade executiva (interim manager) em organizações que buscam transformação. Graduado em engenharia civil (Mackenzie), pós-graduado em engenharia de produção (Politécnica), possui formação executiva por meio de cursos de longa duração em instituições de renome no Brasil e no exterior (Fundação Dom Cabral; Kellogg; INSEAD; Harvard). Atuou como examinador do Prêmio Nacional da Qualidade por 10 ciclos e tem seus principais interesses acadêmicos e profissionais vinculados à educação executiva e à busca pela excelência em governança e gestão organizacional.

More posts by Jorge Secaf Neto

Comentários no Facebook