Liderança

9 exemplos de tomada de decisão nas empresas e o passo a passo para não errar na escolha

By 23 de abril de 2019 No Comments
exemplos de tomada de decisão

Quantas decisões você tomou hoje?

Você já parou para pensar nos exemplos de tomada de decisão nas empresas que ocorrem diariamente? Quantas decisões os líderes têm que enfrentar em suas rotinas?

A verdade é que as decisões nos acompanham desde quando levantamos da cama para ir ao trabalho. Acontece que algumas delas são mais difíceis e complexas de lidar.

Você pode ter que definir estratégias, metas de negócio, como simplificar operações, diminuir gastos, entre tantas outras ações.

Esse tipo de tomada de decisão é um grande desafio para os gestores. Mas a questão é que existem formas de tomar decisões mais assertivas, focadas em planejamentos, dados e situações concretas. Nada de ir pela intuição ou pelo sentimental.

A ideia deste texto é apresentar exemplos de tomada de decisão nas empresas. Mas, antes disso, você deve saber os 6 passos básicos para lidar com cada um deles. Vamos lá?

Leia mais: Qual é o mindset ideal para nortear o processo de tomada de decisão?

Antes de iniciar a leitura, inspire-se com esta frase de Isaac Asimov.

exemplos de tomada de decisao

Fonte: KDfrases

6 passos essenciais para a tomada de decisão

O processo abaixo pode parecer simples, mas deve ser observado cautelosamente pelo tomador de decisão. Ele garante que você esteja levando em consideração todas as informações relevantes e os resultados mais prováveis para ajudar o seu negócio.

São basicamente 6 passos a serem seguidos:

1- Defina o problema, desafio ou a oportunidade

Identificar qual é o problema ou o desafio que a decisão quer enfrentar é essencial para acertar na escolha a ser realizada. Detalhe a situação o máximo possível e de forma racional.

2- Levante possíveis soluções; dados podem ajudar

Gerar possíveis respostas ou soluções diferenciadas é a segunda etapa para tomar uma decisão corretamente. A coleta de dados pode ajudar a adquirir mais conhecimento e se fundamentar em algo concreto para tomar a decisão.

Esses dados podem vir de entrevistas com clientes ou funcionários, questionários, pesquisas ou relatórios, por exemplo.

3- Avalie as alternativas

Após levantar as possíveis soluções e respostas para o problema levantado, você deverá avaliar as diferentes alternativas disponíveis. Leve em consideração os custos e os benefícios envolvendo cada uma das soluções. Faça uma lista de prós e contras para facilitar na visualização.

4- Selecione uma das soluções propostas

Depois de levantar as vantagens e desvantagens, você provavelmente estará mais preparado para escolher uma alternativa. Deverá pensar sempre qual delas tem o maior potencial para alcançar o objetivo inicial levantado. Combine as melhores alternativas ou liste a ordem que acredita ser a mais adequada para seguir.

5- Implemente a opção escolhida

Ao implementar uma opção, você já terá tomado uma decisão importante. Mas isso não quer dizer que o processo de tomada de decisão acabou por aí.

Primeiramente, porque várias situações estarão relacionadas a ela, e depois pelo acompanhamento necessário, que seria a etapa nº 6.

6- Avalie e acompanhe o impacto da decisão

A tendência é que, ao seguir os passos anteriores, sua decisão provavelmente seja adequada para aquele problema ou situação. Mas isso não quer dizer que ela não deverá ser acompanhada e até mesmo questionada.

Avalie o impacto da decisão na eficiência da solução do problema e, se preciso, tome uma nova decisão para adaptar a solução conforme necessário.

Existem diversos frameworks de tomada de decisão. Confira este, conhecido como Canvas de Tomada de Decisão, criado pela DP/E:

exemplos tomada de decisão

3 exemplos de tomada de decisão nas empresas

Agora vamos pensar em exemplos de tomada de decisão nas empresas e ver como o processo acima pode ajudar.

Contratações e demissões

Toda empresa precisa lidar com esse tipo de decisão. Afinal, quais os melhores perfis para contratar? E quando necessário cortar a equipe, quem demitir?

Neste caso, os dados coletados podem envolver os comparativos entre resultados entregues pelos funcionários, ou então, no caso da contratação, levantar diferentes tipos de processos seletivos e perfis desejados e selecionar aqueles que melhor se encaixam na cultura organizacional.

Custos e despesas

Constantemente as empresas exigem tomadas de decisão bem pensadas relacionadas a custos e despesas. Pode ocorrer, por exemplo, de suas vendas estarem aumentando consideravelmente, porém os custos também, baixando seu lucro operacional.

Ao avaliar as possíveis soluções, você levanta, por exemplo, que trocar de fornecedor, escolhendo um com custo mais baixo para a matéria-prima que necessita, pode resolver seu problema com o lucro.

Por outro lado, há o risco da qualidade do produto ser inferior, o que causaria perda de vendas e clientes, tornando a economia desvantajosa.

Neste caso, você pode envolver outras áreas além da financeira, como a de qualidade e produto, acionistas, etc, que te ajudariam no levantamento de dados. Fazer um brainstorming com todos e levantar todos os prós e contras será essencial para chegar à melhor decisão.

Marketing e campanhas

Supondo que sua empresa não está muito bem de vendas e você verifique que uma campanha de marketing digital seria necessária para atrair o perfil de público que quer atingir. O que fazer?

Esse também está entre os exemplos de tomada de decisão nas empresas, muito comum aliás. Aqui, você define não somente um problema, como uma oportunidade. Para levantar as soluções, pode buscar empresas especialistas e diferentes formatos de campanha, avaliando custos e benefícios.

Ao realizar uma análise comparativa de pelo menos três propostas diferentes, poderá selecionar a melhor empresa para liderar uma campanha. Depois, ao acompanhar os resultados, pode dar andamento a novas decisões relacionadas ao marketing da empresa.

Leia também: Matriz de decisão: saiba o que é e veja exemplos de aplicação

Outros 6 exemplos de tomada de decisão nas empresas

Ainda existem outros inúmeros exemplos de tomada de decisão nas empresas. Eles podem estar relacionados aos clientes, investidores, estrutura interna ou à gestão financeira.

Veja de forma simplificada mais 6 deles abaixo e possíveis dicas para lidar com as situações:

  1. Corte de custos: avalie todas as possibilidades para a empresa e o impacto que cada uma pode gerar;
  2. Definir o nome de um produto: você pode agendar uma sessão de brainstorming com a equipe para gerar ideias;
  3. Mudança nos preços praticados: fazer pesquisas com clientes te ajudaria a entender como essa mudança afetaria as vendas;
  4. Escolher um gerente de projeto: considere o potencial de liderança de diferentes membros da equipe;
  5. Continuar ou não investindo em treinamento de equipes de atendimento: faça pesquisas de satisfação periódicas com os clientes para saber se esse tipo de ação está melhorando o pós-venda;
  6. Ampliação da cobertura de vendas: com uma lista detalhada de diferentes regiões é possível analisar a melhor delas para se estabelecer.

Saiba mais: O que são ferramentas de tomada de decisão?

Considere todas as etapas na tomada de decisão!

Independentemente do problema ou oportunidade que tenha pela frente, o importante é não ignorar as etapas da tomada de decisão.

Identifique todas as alternativas, compare custos, eficácia e não se apresse para chegar à definição ideal. Aquela que você acredita que converterá os melhores resultados para a empresa.

E você, tem algum exemplo para compartilhar conosco? Já se deparou com alguma situação importantíssima e precisou estruturar uma estratégia para chegar a uma decisão? Qual foi o resultado?

Fique à vontade para compartilhar o conteúdo e mostrar para seus colegas ou equipe como tomar uma decisão com cautela, de forma estratégica e eficaz!

Veja mais: Tipos de tomada de decisão na empresa: conheça os 5 principais para nunca mais errar nas suas escolhas

A Setting é um empresa de consultoria que toma decisões baseadas em fatos, com o objetivo de agregar valor e trazer resultados pra o seu negócio.

O diagnóstico empresarial é uma ferramenta que pode auxiliar muito os gestores na hora de tomar decisões. Baixe nosso e-book gratuito: Por dentro de um diagnóstico empresarial

Jorge Secaf Neto

Author Jorge Secaf Neto

Sócio fundador da Setting Consultoria e Gestão Empresarial e Conselheiro Certificado IBGC, atua como Conselheiro, Consultor Sênior ou assume responsabilidade executiva (interim manager) em organizações que buscam transformação. Graduado em engenharia civil (Mackenzie), pós-graduado em engenharia de produção (Politécnica), possui formação executiva por meio de cursos de longa duração em instituições de renome no Brasil e no exterior (Fundação Dom Cabral; Kellogg; INSEAD; Harvard). Atuou como examinador do Prêmio Nacional da Qualidade por 10 ciclos e tem seus principais interesses acadêmicos e profissionais vinculados à educação executiva e à busca pela excelência em governança e gestão organizacional.

More posts by Jorge Secaf Neto

Comentários no Facebook