Estratégia

Entenda a metodologia e veja um exemplo de análise SWOT de uma empresa brasileira

By 6 de setembro de 2018 No Comments
análise SWOT de uma empresa

O planejamento estratégico de uma empresa é determinante para os gestores poderem avaliar o mercado, estabelecer metas e determinar o que o empreendimento deve fazer para alcançá-las.

No entanto, essas medidas só apresentarão os resultados desejados se forem conhecidos, profundamente, os pontos fortes e fracos do negócio e o seu posicionamento no mercado.

Existem diversas ferramentas que podem ser utilizadas para isso. E uma das mais úteis é a análise SWOT de uma empresa.

Apesar de ser muito difundida nos cursos de Administração e utilizada nas grandes empresas, muitos empresários ainda desconhecem sua aplicação.

Neste artigo, vamos entender como funciona a análise SWOT de uma empresa, suas aplicações e benefícios.

Veja também: O que é diagnóstico empresarial e como usar em seu negócio para promover melhorias

Descubra como fazer a análise SWOT de uma empresa

A análise SWOT funciona como uma ferramenta de diagnóstico de sua empresa, permitindo que você veja todo o potencial do seu negócio, assim como vulnerabilidades.

Análise SWOT é um acrônimo formado pelas palavras em inglês que compõem a sigla: Strengths, Weaknesses, Opportunities, Threats.

Vamos ver o significado e a aplicação de cada uma delas.

Forças – Strengths

As forças são os pontos fortes da sua empresa, ou seja, os elementos internos que se constituem em diferenciais competitivos no seu mercado. Algumas perguntas que você pode responder para listar estas forças são:

  • Quais são as atividades e processos que minha empresa domina?
  • Quais são os recursos que tenho em abundância (financeiros, humanos, tecnológicos, etc.)?
  • Qual é a minha maior vantagem competitiva, aquilo que faço melhor que meus concorrentes?
  • Qual o grau de satisfação de meus clientes?

Perceba que as forças são os elementos que você tem controle dentro da empresa como, por exemplo, a união de sua equipe, os ativos da empresa, a qualidade do controle financeiro empresarial, localização privilegiada, networking estratégico, entre outros.

Fraquezas – Weaknesses

As fraquezas são pontos fracos internos da empresa que podem prejudicar sua competitividade, frente aos concorrentes.

Para encontrá-las, diversos aspectos devem ser analisados, como, por exemplo, processos de produção, atendimento ao cliente, ações de divulgação, entre outros.

As críticas e reclamações dos seus clientes podem ser ótimas fontes para descobrir suas fraquezas.

Elaborar uma pesquisa de satisfação e pedir para os clientes indicarem o que não lhes agrada em seu negócio é uma saída inteligente e acessível. É possível fazer uma boa pesquisa por meio de plataformas online, muitas delas gratuitas.

É importante que estas fraquezas sejam identificadas para que os gestores possam corrigi-las ou, pelo menos, minimizá-las.

Oportunidades – Opportunities

As oportunidades dentro da análise SWOT de uma empresa abrangem fatores externos, que não são possíveis de serem controlados, mas que podem ser usados para posicionar melhor sua empresa no mercado.

Elas podem ser mudanças sociais e de hábitos de consumo que favoreçam seu negócio, ampliação do crédito ao consumidor, um modismo que aumente o consumo de seu produto, acesso a uma nova tecnologia, entre outras.

Para identificá-las, é necessário conhecer profundamente seu mercado de atuação e realizar pesquisas frequentes, aumentando as chances dos gestores se aproveitarem bem dos acontecimentos que podem impactar positivamente nos seus negócios.

Assim, será possível a empresa realizar a preparação necessária para o aproveitamento destas oportunidades.

Ameaças – Threats

A análise SWOT de uma empresa deve mostrar as ameaças que podem prejudicar o negócio, caso não sejam resolvidas a tempo.

Ameaças, nesse contexto, são eventos externos, também fora do controle empresarial, que podem ter influência negativa sobre o empreendimento.

Elas devem ser tratadas com muito cuidado porque podem prejudicar o planejamento estratégico e os resultados da organização.

Alguns exemplos de ameaças:

  • Entrada de um novo e forte concorrente no mercado
  • Alta do dólar, para uma empresa que importa matérias primas
  • Uma seca que cause a falta e alta de preços de algum insumo importante
  • Mudança de leis que regulam seu negócio e o tornam mais caro de administrar

Exemplo de análise SWOT de uma empresa brasileira

Este exemplo fictício foi criado para um melhor entendimento da aplicação prática da análise SWOT de uma empresa brasileira.

O negócio avaliado será uma fábrica de sucos frescos que atende um mercado regional, no interior do estado de São Paulo.

1. Forças

  • Localização privilegiada: está em um ponto central dessa região, cercada de boas estradas.
  • Capacidade de estocagem: a empresa conta com armazéns refrigerados.
  • Frota refrigerada: o transporte é mais seguro e garante uma entrega de produtos de qualidade.
  • Marca conhecida: esses sucos são conhecidos na região e admirados, o que permite cobrar mais por eles.
  1. Fraquezas
  • Custos elevados de estocagem: é caro manter armazéns refrigerados.
  • Produtos perecíveis: mesmo com os cuidados tomados, há grande perda de produtos.
  • Força de vendas antiquada: a equipe de vendas é da velha guarda da empresa e precisa se atualizar.
  • Pouca informatização: a empresa precisa modernizar suas ferramentas eletrônicas de gestão.
  1. Oportunidades
  • Safra agrícola abundante: grande oferta de matéria prima com preços baixos.
  • Alimentação saudável em alta: ideal para o tipo de produto da empresa.
  • Incentivos municipais à tecnologia nas empresas: a prefeitura praticamente zerou o impostos sobre serviços de tecnologia da informação.
  • Linha de crédito para compra de hardwares: o governo do estado lançou um programa para equipar as empresas com dispositivos de TI.

4. Ameaças

  • Alta das tarifas de energia elétrica: a empresa tem altos gastos energéticos com seus armazéns refrigerados.
  • Obras nas estradas: uma importante via usada na distribuição dos produtos será interditada por um ano e meio.
  • Fábrica de refrigerantes na região: mesmo não sendo o mesmo produto, trata-se de um substituto para matar a sede.
  • Mudança da pirâmide etária: o número de crianças abaixo de 12 anos, que consome o produto comprado pelas mães que praticam a alimentação saudável, caiu muito na região. A idade média da população está aumentando rapidamente.

Resultado do exemplo de matriz SWOT de uma empresa brasileira

Depois de se realizar a análise SWOT, deve-se avaliar as melhores estratégias para potencializar as forças da empresa para o aproveitamento das oportunidades.

Em paralelo, deve-se pensar em ações para minimizar as fraquezas e superar as ameaças.

O resultado da análise da nossa empresa fictícia poderá levar a medidas como:

  • Aproveitar a oportunidade dos incentivos fiscais para informatizar e automatizar a gestão da empresa, reforçando essa fraqueza.
  • Aproveitar a oportunidade dos preços baixos da matéria prima para lançar uma linha de produtos voltados para a saúde depois dos 40, podendo aproveitar a alta margem para lançar com preços baixos e se defender das ameaças do envelhecimento da população e da concorrência dos refrigerantes.
  • Criar uma rede de franquias de lojas de suco na região (se aproveitando da força de sua marca), que seria responsável por parte da estocagem dos produtos (absorvendo parte dos custos de energia elétrica – outra ameaça) e facilitando a distribuição, que será prejudicada com a ameaça surgida com a interdição das estradas.

Ficou claro para você este exemplo de análise SWOT de uma empresa brasileira?

A Setting é uma empresa de consultoria acostumada a ajudar empresas brasileiras a fazer seu diagnóstico organizacional, desenvolver e implementar um planejamento estratégico.

Baixe nosso e-book gratuito e saiba mais detalhes sobre como conhecer melhor seu negócio: Por dentro de um diagnóstico empresarial

Comentários no Facebook