Category

Setting Entrevista

Blog Setting

Faça uma busca:

Setting Entrevista: Ronaldo Moraes Jr.

By | Setting Entrevista | One Comment

SE_OutGraduado em Engenharia Mecânica pela Universidade São Judas Tadeu e mestre em Engenharia Mecânica pela Escola Politécnica da USP, atua no segmento industrial há 21 anos, além de ter sido docente por 2 anos em disciplinas da engenharia. Os anos de experiência foram construídos em empresas multinacionais e em dois grandes hospitais através da atuação no desenvolvimento de produtos, processos de fabricação e gestão de produção.

Atualmente é proprietário da TURN Engenharia, empresa de consultoria e serviços de engenharia com foco em soluções/ações customizadas para gerar alto impacto nos negócios de seus clientes.

01. Em épocas de crise, assuntos como redução de custos, corte de desperdícios e melhoria de produtividade estão sempre presentes nas pautas das reuniões empresariais. Como a engenharia aplicada ao processo pode contribuir com as empresas nesse sentido?

De fato, praticar a gestão de processos é uma tarefa de extrema importância para qualquer empresa, principalmente em momentos de aperto da economia, onde os desperdícios ficam mais evidentes devido à fraca demanda do mercado.

Por processos podemos entender qualquer atividade com começo e fim constituída de várias tarefas. Neste sentido um processo pode ser administrativo ou produtivo.

Na área produtiva costumo diferenciar processo de fabricação de processo de produção. O processo de produção é a cadeia inteira para a fabricação de um bem, assim, o processo de produção de uma geladeira será constituído por muitos processos de fabricação, como o de pintura, furação, estampagem de componentes e etc.

Agora que os processos foram conceituados, fica mais fácil entender como eles afetam a produtividade e estrutura de custos de uma empresa Read More

Setting Entrevista: Alan Pogrebinschi

By | Setting Entrevista | No Comments

SE_AlanAlan Pogrebinschi é coach e empreendedor. Formado em Economia e em Matemática pela Universidade de Cornell, nos EUA. Por muitos anos trabalhou no mercado financeiro em Nova York e também em SP, em bancos como Morgan Stanley, Lehman Brothers, Barclays e UBS. Desde os 16 anos, quando viveu por um período na Índia, pratica Mindfulness.

Durante a década de 90 recebeu treinamento e trabalhou com várias técnicas de meditação. Em 2012 deixou o mercado financeiro e voltou a estudar e trabalhar com Mindfulness, fazendo treinamentos na Índia, EUA e Europa.

01. Alan, você poderia nos explicar brevemente o que é o Mindfulness e como ele está sendo utilizado no mundo empresarial?
O Mindfulness é uma habilidade, um comportamento que pode ser aprendido e cultivado. Uma tentativa de definição seria a capacidade de estar presente e consciente dos seus pensamentos, percepções, sensações e sentimentos, sem julgá-los e sem tentar modificá-los. Inúmeros estudos científicos nos últimos 20 anos comprovaram os benefícios do Mindfulness para a saúde física, mental e social. As empresas perceberam como os benefícios do Mindfulness se traduzem em maior produtividade, criatividade e satisfação. E por isso tem investido em treinar seus funcionários.

02. O Google, que é considerado como uma empresa inovadora tanto em suas ferramentas e produtos, quanto no relacionamento com seus funcionários, utiliza o Mindfulness desde 2007 (com mais de 2000 funcionários participantes). Como você acredita que será a maneira de lidar com as equipes no futuro?

O Mindfulness não é somente algo que se faz por alguns minutos, sozinho e de olhos fechados. É uma maneira diferente de se relacionar com suas experiências internas, com o mundo e com as pessoas Read More

Setting Entrevista: Tammy Allersdorfer

By | Setting Entrevista | No Comments

SE_TAMMYBIO: Graduada em Administração de Empresas com Ênfase em Finanças e Pós-Graduada em Comunicação para o Mercado, atua na área de captação de recursos no 3º setor desde 1996. Tem especialização na área de Desenvolvimento Institucional, promovendo ações de Captação de Recursos e Comunicação e, atualmente, é gerente geral de Desenvolvimento Institucional do GRAACC, instituição social de combate ao câncer infantil que capta, anualmente, cerca de 60 milhões de reais para a operacionalização de hospital referência no país no tratamento de casos de alta complexidade.

01. Para manter o alto padrão de atendimento, quais os principais desafios enfrentados por uma organização sem fins lucrativos? 

O principal desafio é manter constantemente a captação de recursos, para mantermos todos os recursos necessários para oferecer todas as chances de cura aos pacientes com câncer em tratamento no Hospital do GRAACC Read More